Quem somos

O Canil Ariom foi criado por Mario Dias Tremura, em 1999, com o propósito de criar e selecionar cães com alta qualidade de estrutura e temperamento. Em 2001, Tremura dá início ao serviço de hospedagem. Em 2010, com o aumento da procura, inaugura o Sítio Hotel Ariom.

Além da hospedagem de curta temporada, o canil desenvolve um sistema de hospedagem de longa duração para cães. Este tem por objetivo abrigar cães que, por algum motivo, não podem permanecer com a família. Sabendo que a adoção de cães adultos é muito difícil, ou mesmo arriscada, o espaço oferece moradia, segurança e excelente qualidade de vida para o animal.

O fundador

Desde muito novo já era visível o interesse de Mario Dias Tremura pela vida dos cães. Sua ligação era tão forte que quando aprendeu a ler ganhou de seu avô uma assinatura da revista “Cães & Cia”, as quais ele lia com tanta freqüência que chegava a decorar os textos.

Na adolescência trabalhou em um canil de hospedagem, adestramento e criação. Lá, ele optou por receber seu salário em cursos e não em dinheiro. Dois anos depois surgiu a oportunidade de começar a trabalhar com adestramento. Com o objetivo de se aprofundar cada vez mais na cinofilia

(forte interesse e entusiasmo com cães) viajou para vários estados fazendo novos cursos, conhecendo adestradores, handlers e criadores, participando de exposições de beleza e campeonatos de adestramento esportivo.

Durante esses anos de muito trabalho e conquistas, Mario se formou em Zootecnia e abriu uma filial. O novo Canil Ariom fica em um sitio com 12.000 metros quadrados de área verde, atendendo clientes de todo o estado do Rio de Janeiro.

6 Comentários para Quem somos

  1. Sandra Alexander disse:

    Tenho um filho canino super agitado, chamado Otto. É um labrador chocolate, que eu não soube educar, porque o tratei com criança e, ele, espertamente, tornou-se o meu dono. Ele já me mordeu, após se sentir contrariado.Depois que passou a morar no Canil, eu percebo que está melhor. Quando vem para casa, em pouco tempo fica estressado. Foi muito bom conhecer o Mário, que é muito competente.
    A certeza de que o Otto é feliz no Canil, me deixa bem, eu não sinto que o estou abandonando.
    E sei que vamos matar a saudade, a qualquer momento, sem mordidas…

  2. Apbarra disse:

    Realmente Mário, o sítio é maravilhoso. Foi uma ótima tarde.
    Sucesso!!!
    Bjs
    Ana Paula cunha

  3. Viviane disse:

    Depois de ler o site e as recomendações ótimas que o Mário fez, senti-me segura de ter a oportunidade de deixar meus dois cães sob os cuidados dele.
    Tenho um Rotweiller macho de 9 anos lindo e com pedigree (tenho o registro guardado comigo). Foi criado comigo desde quando desmamou. O nome dele é Athor. Logo em seguida, ganhei de uma amiga um filhote macho de Poodle pretinho de pequeno porte (acho que ele é nº 0) lindo também. O nome dele é Rick. Está todo tosado e é muito alegre!
    Eles têm uma diferença de 1 ano e convivem muuuuuuuuito bem juntos! São ótimos!
    Foram criados em um quintal grande, com total liberdade, se alimentam muito bem e são muito unidos.
    Mas, por uma questão familiar, minha mãe vendeu a casa dela, onde criava os meus dois amores. No final deste mês ela vai para um apartamento que, além de não poder, não tem espaço para criá-los.
    Assim sendo, pensamos na possibilidade de doá-los para um local em que eles possam conviver juntos, como sempre foi. Por isso, não penso em separá-los no ato da entre, pois sei que sentirão saudades um do outro.
    Peço a você, Mário, que viabilize a hospedagem definitiva dos meus dois cães, para a felicidade deles e a minha tambem!
    Sabendo que estarão bem, isso me tranquiliza muito.
    Entre em contato comigo assim que possível, para que possamos conversar sobre o assunto.
    21 ********
    At,
    Viviane Custódio.

    • Mario Dias disse:

      Muito obrigado Viviane, só para deixar registrado que já nos falamos por telefone

  4. Sergio Araujo disse:

    Olá Mario, sou Sergio Araújo proprietário do Rapha, moro na Pedro de Carvalho no Meier,
    Eu continuo com seu telefone no bolso toda vez que saio com o Rapha, e muita gente pergunta quem adestrou.
    Quanto tempo, ainda está tendo encontros na Barra próximo ao condomínio das Rosas???

    E o cãozinho Pastor Malinois como ele está???

    Um abraço

    Sergio Araujo

    • Olá Sérgio quanto tempo hein?!!!!
      E o pessoal como está?
      Os encontros agora são realizados na sede do Canil, esse domingo agora vai ter, tente vir, traga todo mundo.
      Sobre o Malinois, está se referindo a Kiva?
      Grande Abraço
      Mario Dias Tremura